Quer fazer o programa de residência médica em Anestesioligia nos EUA? Vem com a gente!

by 04/30/2020

Quer fazer o programa de residência médica em Anestesioligia nos EUA? Vem com a gente!

Se o seu sonho é fazer residência em Anestesiologia nos EUA, é bom considerar alguns dados relevantes na hora de se inscrever para os programas. Além das provas, é interessante (não obrigatório) ter experiência com pesquisas, boas cartas de recomendação e um personal statement que mostre os seus diferenciais. Navegando pelos outros artigos aqui do blog você encontra bastante informação sobre cada um desses assuntos.

Como nas outras especialidades, a carga horária média dos programas de residência é de 80 horas semanais e as bolsas começam com um valor em torno de US$5.000 para o PGY1. Depois de formados, anestesistas têm remunerações que variam de acordo com o nível de especialização e o tempo de experiência, mas a média salarial nos EUA chega a US$388.000/ano.
Muito competitiva, a especialidade sempre exigiu altas notas nos exames USMLE. Em fevereiro deste ano falamos aqui sobre as mudanças anunciadas na política de avaliação dos candidatos. Ainda que, a partir de 2022, o Step 1 deixe de ter as notas medidas em uma pontuação de três dígitos para relatar apenas aprovado/reprovado, a pontuação numérica continuará a ser adotada nos exames Step 2 CK (Conhecimento Clínico) e Step3. Então, a meta é ir com tudo desde o início.

Como o programa americano é bem diferente do adotado no Brasil, é comum levar de 12 a 18 meses se preparando para o Step 1. Nosso curso dura 25 semanas e a turma 2020 começa agora no dia 26 de maio. Mas nem todos os alunos já se sentem seguros para fazer a prova depois desse tempo. Aqueles que sentem necessidade de refazer as aulas, podem se inscrever na turma seguinte, sem nenhum custo adicional. O slogan da nossa Academia é “Acredite em você e corra atrás dos seus sonhos”. Pode ter certeza que seguiremos juntos por toda a sua trajetória.

Um abraço,
E até a próxima,
Juliana Soares Linn